Tendência com vibe setetinha

As tendências pra esse inverno de 2011 tem uma vibe dos anos 70 e eu adoro. Acima os tecidos e estampas da tempora na revista Manequim de Abril. aliás, essa edição tem muitos modelos com a pegada 70's.

Acima as tendências e escolhas dos anos 70 na revista Shape de abril, como os óculos redondos que vem com tudo, as estampas com flores míudas e etc.

Acima uma página da extinta revista Montricot de 1975 da minha coleção pessoal. Reparem como as tendências são revisitações. Olha o xadrez da foto à esquerda  na calça e na foto à direta a calça é boca e sino, apesar de não estar completa na foto dá pra perceber que é o modelo.

Adoro os anos 70, afinal foi a década que nasci (sou balzaquiana, sim, e daí? hehehehe) e em termos de moda deixou uma marca super profunda. Gente, sem querer ser pretenciosa, mas cheguei a uma conclusão. Hoje em dia não há mais criação em moda, apenas releituras. Todo o inverno tem um quê de anos 70, o militarismo (que também é da decada) e por ai vaí. Na real  há apenas a mudança no nome das peças e das cores para parecer novo (coisas do marketing). Vejamos: a calça flare da estação é nada menos que a velha e boa boca de sino, só que mais comportada. A cor caramelo agora chama-se camelo.  A túnica de hoje foi a bata de outrora. Perceberam? Em tudo isso há uma lição: vamos guardar nossas peças fora de moda, pois elas sempre voltam e vamos vasculhar o guarda- roupa da mamãe e da vovó, pois lá de certo vamos encontrar peças super atuais e economizar horrores!

Nenhum comentário