De volta

Estou de volta, andei sumida, pois retornei as aulas de psi, mudei de emprego e o tempo ficou pouco. Meus tricôs estão no meu aguardo para serem retomados, e vou postar a foto da bolsa verde com fio duplo de algodão que estou fazendo. Já, já posto.

Agora um pouco de poesia existencial:

'Deixe tua dor um poquinho de lado
esquece dos teus problemas do cotidiano.
Largue tua mágoa, teu desalento.
Põe teu sorriso na alegria,
e viva o Inverno com sua florada exuberante.

Veja o vermelho da suinã,
o amarelo do girassol,
o vermelho e amarelo do bico-de-papagaio,
as cores vivas da azaléia,
o esplendor do Ipê-roxo
e tantas outras flores e cores
desse nosso momento de vida'
Postar um comentário